terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Vereadores da Capital proíbem o sal em mesas de bares e restaurantes


A Câmara de Porto Alegre aprovou nesta segunda-feira (15) uma medida que proíbe bares e restaurantes de colocar recipientes com sal sobre as mesas. O produto somente será fornecido se o cliente pedir. A iniciativa inclui cantinas de escolas, hospitais e centros de saúde. O texto não prevê punições para os estabelecimentos que seguirem disponibilizando o sal nas mesas.
A proibição consta em uma emenda do projeto de lei que institui o Programa Menos Sal, Mais Saúde na Capital. A autora da emenda, vereadora Sofia Cavedon (PT), argumentou que o objetivo é "diminuir a exposição dos consumidores ao consumo inadequado de sal".
O projeto de lei que institui o Programa Menos Sal, Mais Saúde é de autoria do vereador delegado Cleiton (PDT). A proposta visa conscientizar a população sobre os problemas do consumo excessivo do sal na alimentação. O autor da proposta sugeriu uma semana de conscientização anual, de 20 a 26 de abril, oferecendo ações de medição da pressão arterial, distribuição de panfletos e realização de palestras por especialistas das áreas de saúde e nutrição.
Fonte : Gaúcha

Nenhum comentário:

Postar um comentário