quinta-feira, 15 de maio de 2014

Educação e orientação nutricional


A educação e orientação nutricional possuem diversas ferramentas desenvolvidas com auxílio de profissionais da área da saúde em diversas áreas para beneficiar os indivíduos e população a consumir alimentos de forma adequada, colaborando para a saúde e qualidade de vida. Neste sentido, estudo recente foi desenvolvido com o objetivo de analisar a adesão ao Guia Alimentar para População Brasileira. De acordo com os resultados, pelo menos 80,0% da população consome abaixo do recomendado para: leite e derivados; frutas e sucos de frutas; e cereais, tubérculos e raízes; aproximadamente 60,0% para legumes e verduras; 30,0% para feijões; e 8,0% para carnes e ovos. Adolescentes apresentaram a maior inadequação para legumes e verduras (90,0%), e quanto maior a renda menor inadequação para óleos, gorduras e sementes oleaginosas. Outro estudo foi realizado com o objetivo de determinar porções padronizadas de alimentos, de modo a possibilitar a construção de uma lista de substituição adequada ao público de uma clínica-escola de Nutrição. Os alimentos foram agrupados em grandes categorias de acordo com a classificação do Guia Alimentar para a População Brasileira, porém adaptados à necessidade de inclusão e exclusão de novas categorias ou alimentos, e de alterações no tamanho das porções, considerando a acessibilidade aos alimentos e as orientações nutricionais pertinentes ao atendimento ambulatorial. De acordo com os resultados, foram estipulados 11 grupos: Cereais, raízes e tubérculos (150kcal); Pães e Biscoitos (150kcal); Carnes (150kcal);Laticínios (60kcal); Hortaliças A (5kcal); Hortaliças B (15kcal); Leguminosas (60kcal); Óleos e gorduras (40kcal); Fruta A (60kcal); Fruta B(65kcal); Oleaginosas e frutas secas (60kcal). Os dados do estudo destacam materiais e métodos que podem se utilizados para melhorar a qualidade da alimentação da população brasileira, sendo que mais estudos na área são necessários para facilitar a orientação e educação nutricional.

Fontes: Verly Junior, Eliseu; Carvalho, Aline Martins de; Fisberg, Regina Mara; et al. Adesao ao guia alimentar para populacao brasileira. Rev Saude Publica; 47(6): 1021-1027, 12/2013. Ribeiro, Rita de Cássia; Oliveira, Tatiana Resende Prado Rangel de; Ribeiro, Thaiane Leite; et al. Porções alimentares adaptadas: proposta de instrumento para educação nutricional. Nutrire Rev. Soc. Bras. Aliment. Nutr; 38(2)ago. 2013. Saúde Pública - 14/mai/2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário