sexta-feira, 24 de maio de 2013

Procon determina que Predilecta retire polpa e molho de tomate de todos os mercados do Rio


 
O Procon-RJ notificou, por determinação da Secretaria Estadual de Defesa do Consumidor, a fabricante Predilecta para que faça a retirada imediata dos produtos polpa de tomate natural e molho de tomate refogado das prateleiras de todos os estabelecimentos comerciais do Estado do Rio. A determinação foi tomada depois de, na semana passada, a Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro ter determinado a suspensão da venda dos produtos, em que foram encontrados pelos de animais.
 
Segundo o Procon-RJ, a Predilecta enviou um email na tarde desta quarta-feira informando que já acionou as equipes de distribuição para que seja feito o recolhimento do produto.
Os lotes que estão sendo retirados dos estabelecimentos comerciais são:
 
Polpa de tomate natural: lote 390M23SA
Molho de tomate refogado: lote L134S/RT
 
O Procon-RJ informou que fará vistoria nesta quinta-feira em diversos estabelecimentos para verificar se os lotes da polpa de tomate natural e do molho de tomate refogado foram, de fato, recolhidos das prateleiras.
 
A deputada estadual e secretária de Proteção e Defesa do Consumidor Cidinha Campos disse que a determinação para a retirada se baseou no Código de Defesa do Consumidor (CDC), que afirma serem impróprios para consumo os produtos deteriorados, alterados, adulterados, avariados, falsificados, corrompidos, fraudados, nocivos à vida ou à saúde.
 
- É preciso que os órgãos se unam em defesa do consumidor. A Secretaria Estadual de Saúde deu o laudo atestando a presença de pelo nesses alimentos e nós corremos atrás para obrigar a empresa a retirar do mercado imediatamente. Aqui, no Procon, a gente pega sempre problema cabeludo - disse Cidinha.
 
Procurada pelo EXTRA, a Predilecta ainda não se pronunciou sobre a decisão.
 


Fonte: Extra - online

Nenhum comentário:

Postar um comentário