terça-feira, 7 de maio de 2013

Alimentos Funcionais na Promoção da Saúde


 


Os alimentos funcionais são alimentos ou ingredientes que, além das funções nutricionais básicas, quando consumido como parte da dieta usual, produzem efeitos benéficos à saúde, sendo considerados promotores de saúde e podem estar associados com a diminuição dos riscos de algumas doenças crônicas.
Muitos estudos têm sido desenvolvidos na área, como pode ser observado através de pesquisa recente, a qual verificou as possíveis atividades biológicas causadas pelo consumo diário de linhaça em diferentes condições de preparo, em ratos Wistar machos recém-desmamados. De acordo com os resultados, o consumo de linhaça, seja como grão cru, assado ou óleo, apresentou atividade biológica em ratos, destacando-se por reduzir os níveis de glicose, triglicerídios e colesterol. Além disso, o consumo do grão de linhaça aumentou significativamente o volume do bolo fecal e a excreção de lipídeos nas fezes.
Outra pesquisa foi desenvolvida com o objetivo de identificar o conhecimento veiculado em periódicos brasileiros e estrangeiros sobre alimentos funcionais e clínica geriátrica. De acordo com alguns dados destacados no estudo,  o consumo diário de 15 mg de licopeno aumentou significativamente a proteção às lipoproteínas do estresse oxidativo. A soja está sendo relacionada à redução do risco de câncer de mama, osteoporose, deficiência cognitiva e efeitos da menopausa. O consumo diário de 10 g de linhaça promove alterações hormonais associadas com a redução do risco de câncer de mama. O consumo diário de 35 g de peixe pode reduzir o risco de morte por infarto no miocárdio. O selênio na dose diária de 75 μg para homens e 60 μg para mulheres, maximiza a atividade antioxidante da enzima glutationa peroxidase.
Os alimentos funcionais são alvo de diversas pesquisas, como as desenvolvidas em animais para depois serem extrapoladas ao consumo humano e as pesquisas que já chegaram a conclusões em relação ao consumo destes alimentos e a saúde dos indivíduos. Deste modo, é de extrema importância que estes estudos continuem e seus resultados sejam divulgados de forma adequada, colaborando para a orientação nutricional e prevenção de doenças através do consumo dos alimentos funcionais.


Fontes: Anne y Castro Marques; Tiffany Prokopp Hautrive; Guilherme Barcellos de Moura; et al. Efeito da linhaça (Linum usitatissimum L.) sob diferentes formas de preparo na resposta biológica em ratos. Rev. Nutr. vol.24 n.1 Campinas Jan./Feb. 2011.
Castro e Silva, Igor Marcelo; Sá, Emmanuela Quantal Callou de. Alimentos funcionais: um enfoque gerontológico. Rev. Soc. Bras. Clín. Méd; 10(1) jan/fev, 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário