segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Compra de alimentos de agricultores familiares terá recurso de R$ 2,6 bilhões

A compra de alimentos de agricultores familiares para atender a pessoas em situação de insegurança alimentar terá R$ 2,63 bilhões até julho de 2015, de acordo com o novo termo de cooperação técnica entre a Companhia Nacional do Abastecimento (Conab) e o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS).

O valor que será investido nestes próximos anos no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) – será superior a todo o recurso repassado desde o início da parceria entre o MDS e a Conab, em 2003. Ao longo de nove anos, o governo destinou R$ 1,92 bilhão para a compra de 1,1 milhão de toneladas de alimentos de 615,4 mil agricultores familiares. Nesse período, 72,9 mil pessoas foram beneficiadas por meio da adoção desses alimentos.

O aumento no volume de recursos para a operacionalização do PAA faz parte da estratégia do Brasil Sem Miséria, plano para superação da extrema pobreza. Com o valor, o governo vai adquirir 1,3 milhão de toneladas de alimentos de 510 mil agricultores familiares para distribuição a pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional, até julho de 2015.

Cooperação - Nessa terça-feira (11), representantes do país africano Malauí, no oeste do continente, estiveram com a secretária nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDS, Maya Takagi, para conhecer as principais ações na área de segurança alimentar, como o PAA e as compras locais. “O Malauí ainda vive uma realidade muito diferente, com uma comunidade basicamente rural”, conta a ministra da Educação, Ciência eTecnologia do Malauí, Eunice Kazembe.

Além de representantes de alto nível do governo malauiano, participam da visita membros do Programa Mundial de Alimentos (PMA) e da Organização dasNações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO). Um dos principais projetos de ajuda humanitária brasileira no exterior é o PAA-África. Além do Malauí, o programa leva a experiência brasileira do PAA para mais quatro países africanos: Moçambique, Etiópia, Nigéria e Senegal.


Leilão de alimentos atenderá 480 mil famílias

A Conab vai realizar nesta quarta-feira (12) um pregão eletrônico para comprar 5,3 mil toneladas de alimentos que serão distribuídas até o final deste ano para 480 mil famílias.
A operação faz parte da cooperação técnica entre a Conab e o MDS, que tem sido renovada desde 2002.
Fonte: CFN

Nenhum comentário:

Postar um comentário